2ª Conf. Nac. de Juventude: etapa de Consulta aos Povos e Comunidades Tradicionais

Padrão

Nos próximos dias 7 e 8 de novembro, jovens de povos e comunidades tradicionais se encontrarão em Brasília (Distrito Federal) para a Consulta Nacional aos Povos e Comunidades Tradicionais. O evento ocorrerá no Auditório do Anexo I do Palácio do Planalto e é uma das etapas eletivas para 2ª Conferência Nacional de Juventude, que será realizada entre os dias 9 e 12 de dezembro, também na capital federal.

Na ocasião da Consulta, serão eleitos/as 60 jovens que representarão os povos e as comunidades tradicionais na Conferência Nacional. A ideia é que a Consulta seja um espaço que garanta voz aos grupos que têm dificuldade de acesso a políticas públicas e aos processos tradicionais de participação.

De acordo com Rodrigo Amaral, secretário-executivo do Conselho Nacional de Juventude (Conjuve), a Consulta reunirá 70 jovens de diversos movimentos nacionais de povos e comunidades tradicionais para discutir políticas públicas voltadas para esse segmento. “O objetivo é ter um olhar focado nessas comunidades e povos para a elaboração de políticas públicas”, afirma.

O secretário-executivo do Conjuve revela que as discussões da Consulta serão centradas no Plano Nacional de Juventude com foco nas necessidades dos jovens desses grupos. “As políticas são universais, para todos os jovens, mas também é importante destacar que esses jovens têm demandas específicas. Então a ideia é discutir o Plano para ele atender a diversidade dessa juventude”, comenta.

Dados do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) revelam que cerca de 5 milhões de brasileiros e brasileiras integram povos e comunidades tradicionais, ocupando um quarto do território do país. Segundo informações do sítio eletrônico da Conferência, representam essa população: quilombolas, indígenas, ribeirinhos, caboclos, ciganos, pantaneiros, mestiços, comunidades de terreiros, faxinais (grupos que plantam mate e criam porcos no Paraná), pomeranos (etnia europeia que vive no Espírito Santo), entre outros.

Conferências Estaduais. Além da Consulta aos Povos e Comunidades Tradicionais, o calendário para a 2ª Conferência Nacional de Juventude segue com as conferências estaduais. Rodrigo Amaral, secretário-executivo do Conjuve, está no Ceará para participar da etapa final da II Conferência Estadual de Juventude.

O evento ocorre de hoje (4) a domingo (6) no Hotel Vila Galé, em Fortaleza, com o objetivo de avaliar as políticas de juventude realizadas no estado. “600 delegados participam dessa Conferência que é o momento final para consolidar as demandas da juventude cearense para levar para a Conferência Nacional”, afirma.

De acordo com Rodrigo, também realizam Conferências Estaduais neste fim de semana: Rio Grande do Sul, São Paulo e Sergipe.

Texto de Karol Assunção (Adital Jovem)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s