Retrô – Pejoteiros de Santos celebram Romaria em 2011

Padrão

A PJ Diocesana realizará a Assembleia (mais informações) no dia 9 de dezembro e, entrando neste clima de avaliação, planejamento e reafirmação dos nossos compromissos e ideais, o blog publicará diariamente nesta primeira quinzena de dezembro: fatos que marcaram os últimos dois anos da pastoral.

Sob o sol das terras de Araras, cerca de 8.000 jovens de todos os cantos do estado de São Paulo fizeram acontecer a 17ª Romaria da Juventude do Regional Sul 1, em 2011 com o tema “Maria, mulher que gera vida e libertação” e com o lema “Juventude, vida gerada no seio da terra”.

A partir das 5h da manhã começaram a chegar os primeiros romeiros no ginásio municipal de Araras, onde iniciou-se a Romaria com apresentações culturais de grupos jovens, que animaram os jovens que não paravam de chegar e de encher o ginásio municipal.

Antes da celebração um momento marcante foi a entrada de Nossa Senhora Aparecida, conduzida em uma tocha e levada a cavalo no meio dos jovens, e entregue ao bispo referencial da juventude do estado de São Paulo, Dom Antonio Carlos Altieri, sdb que junto bispo da diocese de Limeira, Dom Vilson Dias de Oliveira, DC conduziram a imagem no meio dos jovens.

Com esse momento iniciou-se celebração solene foi celebrada por Dom Antonio Carlos Altieri, sdb, que ressaltou a importância do trabalho junto à juventude pelos romeiros, e partilhou com os jovens sobre Jornada Mundial da Juventude em Madri, onde muitos jovens pejoteiros estarão presentes.

Com o final da celebração os jovens começaram a se concentrar na entrada do ginásio para dar inicio a caminhada da Romaria, animados pela banda JEPEC, os jovens seguiram em caminhada pelas ruas da cidade de Araras, passando pelo centro da cidade e fazendo paradas reflexivas preparadas pelas sub regiões.

A primeira parada foi no local onde dois jovens da cidade morreram assassinados devido a uma discussão de transito e foi trabalhada sob o eixo da campanha nacional contra a violência e extermínio de jovens. Já a segunda parada foi em frente à Basílica de Nossa Senhora do Patrocínio e foram lembradas as mulheres e todas as formas de exclusão que elas sofrem no dia-a-dia. A terceira e última parada foi no entorno do lago municipal, onde através de um gesto concreto os jovens romeiros “abraçaram” o lago e foi feita uma mística com base no tema e no lema da Romaria.

Finalizando a Romaria, novamente no ginásio municipal, um grupo local de maracatu animou os jovens romeiros que celebraram com muita alegria esse memento de encerramento. Partindo para suas casas fica o compromisso de todos de levar essa “vida e libertação” para as bases fortalecendo cada vez mais o projeto do reino de Cristo em nosso meio. Toda a equipe da Romaria, equipes de trabalho das sub regiões, coordenação e assessoria regional agradecem a presença de todos em mais essa linda página da história do Regional Sul 1.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s